Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



[Coisas que gosto - The Moustache Baby]

por Mãe em Apuros, em 28.03.14

Desde que estou grávida que me tenho deparado com produtos fantásticos que não fazia ideia que existiam, ou pura e simplesmente passavam-me ao lado.

 

Caso disso são as forras para os ovinhos dos bebés, que lhes dá um toque super giro, diferenciando-os de todos os outros, ou simplesmente conferindo-lhes um toque novo.

Há muitos casos em que os carrinhos vão passando de um filho para outro ou então são emprestados e por vezes uma simples forra dá logo um ar novo.

 

De entre as minhas pesquisas, encontrei artesãs portuguesas com trabalhos fantásticos, que irei mostrar-vos mais para a frente.

Hoje dou-vos a conhecer a The Moustache Baby, que de entre todas foi a que me cativou mais, devido aos padrões não muito "abebezados", enquadrando-se ao longo do crescimento do bebé, tendo também outros produtos amorosos.

Existem imensas opções de tecidos e padrões que podem ser conjugados conforme o nosso gosto.

 

Deixo aqui fotografias de alguns dos produtos que podem encontrar nesta lojinha: 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 https://www.facebook.com/TheMoustacheBaby 

  www.themoustachebaby.com

Tags:

publicado às 10:32

[BabyShower do A.]

por Mãe em Apuros, em 27.03.14

 

 

 

Os preparativos do BabyShower do A. continuam a todo o gás, ou quase todo.. 

 

Hoje recebemos uma encomenda da Sweet Lemon, para esse dia.

Deixo aqui uma foto do trabalho ainda por acabar. O que será?...

 

publicado às 15:51

[Ecografias ao longo da gravidez]

por Mãe em Apuros, em 26.03.14

E hoje é o dia da última ecografia, a ecografia do 3º trimestre.

 

Falar em última ecografia assusta-me. Parece que num piscar de olhos é já "amanhã" que terei o baby A. nos braços, mas nada disso.

 

 

Vamos lá explicar isto das ecografias....

 

Numa gravidez "normal" são feitas apenas 3 ecografias:

- Ecografia do primeiro trimestre;

- Ecografia morfológica;

- Ecografia do terceiro trimestre.

 

 

Ecografia do Primeiro Trimestre

 

 

 

Na primeira ecografia, que se deve realizar entre as 11 e as 14 semanas, permite ao médico avaliar os marcadores de cromossomopatias e avaliação da ecoanatomia fetal, anomalias ao nível cerebral. Nesta ecografia “mede-se o comprimento crânio-caudal do feto e é essa medida que, lançada numa curva própria, estabelece a idade gestacional e, por consequência, também a data provável do parto” (DPP), verifica-se também a ausência ou presença dos ossos do nariz (“a presença é o bom sinal”) e a translucência da nuca (“camada de linfa que existe na nuca do feto”), dados que, juntamente com as análises de sangue que a grávida fez previamente, permitem fazer o rastreio das anomalias cromossómicas.

 

 

Ecografia Morfológica

 

 

 

 

Na ecografia morfolófica, a segunda ecografia, que se realiza entre as 20 e as 24 semanas, é feita uma “avaliação mais detalhadas da anatomia fetal, o rastreio de parto pré-termo e pré-eclampsia”. É nesta ecografia que se "estuda a anatomia do feto, nomeadamente o coração e as estruturas cerebrais”, muito mais detalhada do que na ecografia do primeiro trimestre.

 

 

Ecografia do Terceiro Trimestre

 

(Sem foto da eco..)

 

A última ecografia, a do terceiro trimestres, que é realizada entre as 30 e as 32 semanas, é feita a “avaliação do crescimento e bem-estar fetal”.

É avaliado as biometrias do polo cefálico, da circunferência abdominal e do comprimento do fémur, e com base nelas calcula-se o peso aproximado do feto. O peso fetal é projetado numa curva de percentis e assim ajuíza-se sobre o bom ou não crescimento fetal.

"Verifica-se, também, a localização da placenta para excluir uma placenta baixa ou prévia que possa indicar que o parto seja por cesariana."

 

Fonte: Revista Pais e Filhos

publicado às 15:01

[31 semanas]

por Mãe em Apuros, em 25.03.14

O tempo, esse tem passado a correr e já estamos quase quase nas 32 semanitas.

 

Para além da azia, o baby A. tem andado muito enérgico. 

Ontem foi um dia "péssimo" nesse sentido. Adoro senti-lo, adoro ver a minha barriga mexer-se, mas ontem foi um pouco doloroso. Passei o dia aos "ais". Esteve sempre aos pontapés, e pela intensidade em que se dava a coisa, não sei se não deu dois ou três mortais. Hoje os movimentos continuam intensos, mas ainda não tão fortes como ontem. 

Veremos onde isto vai parar, hoje.

 

Amanhã temos a ecografia do 3º trimestre.

 

 

 

Fotos da "barriguita", tiradas no fim-de-semana.

 

 

publicado às 11:29

[Eco 3D - A nossa experiência]

por Mãe em Apuros, em 24.03.14

 

 

Na sexta, como havia dito, fomos fazer a Eco 3D/4D.

 

Não me arrependo nada. Vimos o baby A. "ao vivo" em 3D e foi tão bom! 

Claro que não conseguimos, mesmo estando 1h a fazer a eco, uma imagem da cara toda. O rapaz deve ser fã dos Xutos e Pontapés e tinha os braços cruzados à frente da cara e quando não eram os braços era o cordão umbilical.

Mas temos diversas imagens de partes isoladas da cara, boca e nariz tão fofinhos!!

 

Conseguimos vê-lo fazer bolhinhas, deitar a língua de fora, abrir a boca, ver e sentir ao mesmo tempo as malandrices de me espetar as pernas e ainda assistimos a uma crise de soluços, coitadinho do meu baby. 

 

Enfim, foi uma óptima experiência. E a vontade de o ter nos meus braços aumenta cada vez mais.

Ai coraçãozinho, aguenta.

 

 

 

 

Tags:

publicado às 15:20

[Eco 3D]

por Mãe em Apuros, em 21.03.14

 

 

Eis um tema que gera em mim uma certa indecisão.

 

Primeiro queria imenso fazer uma ecografia 3D, embora os preços não fossem de todo apelativos. Estamos a falar de uma ecografia emocional onde, a meu ver, só faz sentido ser feita mais no final da gravidez, altura em que a fisionomia do bebé já se encontra mais definida. Por isso só perto das 30 semanas seria a melhor altura para a fazer. Por isso mentalizei-me que iria esperar até por volta dessa altura.

 

Entretanto uma pessoa bem próxima de mim fez a eco 3D, a bebé já nasceu e as semelhanças não são assim muitas (muito poucas ou nenhumas, aliás). Começou logo a pairar em mim um certo sentimento de "vou gastar dinheiro desnecessariamente, até porque quem já esperou 7 meses, espera mais 2...".

Mas a ideia de ver a sua carinha inquietava-me, de ver como estará e como será o meu filho é algo que está sempre na minha mente. Por isso se de um lado a razão me dizia “Sê coerente, está quase aí o dia de o conhecer, de o abraçar e beijar…” o outro dizia “Mas ainda falta tanto, e como será ele? Como será o meu filhote?”

 

Surgiram umas promoções da Ecox, bem simpáticas até, mas não aproveitei.

E depois de muito falar com o marido e com uns amigos que passaram pela mesma experiência, lá vamos nós arriscar. Iremos fazer com uma amiga, o que fará com que a experiência seja diferente.

Veremos se sairemos de lá entusiasmados ou nem por isso :)

 

Ao menos irei ver o meu pequenote esta semana outra vez :)

 

Depois passarei por cá para contar a experiência.

 

Tags:

publicado às 15:28

[Coisas que gosto - Baby Tales]

por Mãe em Apuros, em 20.03.14

Gosto sempre de partilhar convosco produtos ou marcas com as quais vou simpatizando.

 

Caso disso é a Baby Tales, que para além de ter peças lindas, tem um atendimento fantástico. O que torna sempre agradável o processo de aquisição de algo.

As peças são em madeira, que vão desde simples palavras, nomes, animais, letras isoladas ou frases completas.

 

 

 

 

 

 

 

  

 

 

 

 

 

 

 

 

Fotos: Facebook Baby Tales

publicado às 16:21

[Baby A.]

por Mãe em Apuros, em 20.03.14

Desde que soube que estava grávida que quis registar todos os momentos, desta minha nova condição. E assim tem sido.

Fiz uma sessão fotográfica às 20 semanas e agora fiz outra às 30, e espero ainda ter tempo para fazer uma perto das 40 semanitas.

 

Deixo aqui uma foto da minha actual "barriguita".

 

 

publicado às 10:09

[BabyShower - Inspirações]

por Mãe em Apuros, em 19.03.14

Por aqui andamos a magicar, com a ajuda de uma amiga, todos os pormenores para o Baby Shower do A. 

 

Deixo aqui algumas inspirações...

 

 

 

 

 

 

 

 

Fotos: Pinterest

publicado às 16:29

[Azia]

por Mãe em Apuros, em 19.03.14

 

Tenho azia já há algum tempo...

Talvez possamos mesmo recuar uns dois meses atrás. Há dias piores que outros e, depois de uns dias de tréguas, lá voltou ela. Fresca e fofa.

 

 

Mas afinal o que é a azia?

 

A azia ou refluxo é  muito comum na gravidez, mas também muito desconfortável. Falo por experiência própria. É caracterizada por uma sensação de queimadura no peito e sabor ácido na boca.

 

Normalmente a azia surge no último trimestre, altura em que existe um aumento da progesterona no organismo da grávida, que é uma hormona que leva ao relaxamento do corpo e ao crescimento do útero que pressiona o estomago e o intestino.

Ora, com este relaxamento, a válvula que existe entre o estomago e o esófago não fica completamente fechada, levando a juntamente com a pressão que é exercida pelo útero, a que o conteúdo do estomago volte para o esófago, criando uma irritação, a tal sensação de queimadura.

 

Milagres não existem, mas existem alimentos que aliviam este ardor e outros que os potenciam.

 

O que me foi aconselhado foi:

  • A ingestão de pequenas quantidades de comida ao longo do dia, para que o ácido do estomago seja absorvido pela comida, de modo a que não vá para o esófago.
  • Tentar não dormir completamente deitada, com a ajuda de umas almofadas mais altas, de modo a que o ácido estomacal se mantenha no estomago.
  • A ingestão de maça tem sido um óptimo aliado, bem como a ingestão de leite frio e de amêndoas. 
  • Ingerir bastante água, ou outros líquidos entre as refeições.

 

Espero que estas pequenas dicas vos ajude. 

 

Ps: Costumam dizer que azia é sinal de muito cabela, certo? Sendo assim suspeito que esteja a gerar um pequeno macaquinho e não saiba {#emotions_dlg.amazed}

 

 

Tags:

publicado às 14:49

Pág. 1/3



Mais sobre mim

foto do autor


Digam-me coisas

maeemapuros@sapo.pt

Estamos por aqui também



Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2015
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2014
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2013
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D

Youzz